Os homenageados do SCAD Savannah Film Festival incluem Daniel Kaluuya e Elisabeth Moss

Daniel Kaluuya, Elisabeth Moss, Danielle Macdonald, Aldis Hodge, Valerie Pachner, Samantha Morton, Sienna Miller, Alan Silvestri e Olivia Wilde devem ser homenageados no 22º Festival Anual SCAD Savannah Film. Os homenageados do Breakout Award incluem Beanie Feldstein, Kaitlyn Dever, Jharrel Jerome, Mena Massoud e Camila Morrone.

Macdonald, que aparece na Netflix em “Inacreditável” e “Paradise Hills”, receberá o prêmio de estrela em ascensão em 26 de outubro. A estrela de “Clemency” Hodge receberá o prêmio de descoberta em 28 de outubro, enquanto Pachner, que estrela “A Hidden Life” receberá o prêmio de descoberta em 29 de outubro. Moss, que estrelou em “The Kitchen” e aparecerá em “The Invisible Man”, receberá o prêmio de destaque em 31 de outubro e 2 de novembro , A estrela de “Walking Dead” Morton receberá o prêmio virtuoso, enquanto a estrela de “Queen and Slim” Kaluuya receberá o prêmio de destaque. O compositor “Back to the Future” e “Avengers” Silvestri recebe o prêmio de realização vitalícia por compor em 27 de outubro, enquanto o diretor de “Booksmart” Wilde recebe o prêmio de diretor em ascensão em 29 de outubro. “American Woman” e “21 Bridges” A estrela Miller será homenageada com a conquista extraordinária no prêmio de cinema.

Os homenageados do prêmio breakout aparecerão em um painel em 30 de outubro.

O SCAD Savannah Film Festival é o maior festival de cinema administrado por uma universidade nos Estados Unidos e é realizado pela Savannah College of Art and Design. Tendo exibido 130 filmes indicados ao Oscar, tornou-se uma parada importante no circuito de prêmios, com exibições e homenagens a atores, diretores, produtores e cineastas dos EUA e do exterior. O festival se tornou uma parada para muitos filmes considerados para o Oscar.

Em 2018, o festival começou com “Roma”, de Alfonso Cuaron, que ganhou o Oscar de cinema em língua estrangeira. O festival de 2019 está começando com o filme TIFF da diretora francesa Céline Sciamma e o filme selecionado por Cannes “Portrait of a Lady on Fire” e o filme selecionado pelo diretor Tom Harper Telluride “The Aeronauts”.

Todo o festival de cinema acontecerá de 26 de outubro a 2 de novembro em Savannah, na Georgia.

Tradução: Equipe Elisabeth Moss Brasil

Original: Variety

Elisabeth Moss está em negociações para o novo filme de Taika Waititi “Next Goal Wins”

Elisabeth Moss, vencedora do Emmy e do Globo de Ouro, está em negociações para se juntar ao próximo filme de Taika Waititi, Next Goal Wins.

Moss se juntará a Michael Fassbender no drama esportivo que fará o novo trabalho de Waititi com a Fox Searchlight.

Baseado em um documentário britânico de 2014 com o mesmo nome de Mike Brett e Steve Jamison, Next Goal Wins é uma história ruim que segue a equipe nacional de futebol da Samoa Americana e seu treinador, Thomas Rongen, enquanto tentam transformar de perdedores perenes em Equipamento para a Copa do Mundo da FIFA. Fassbender pagará o treinador.

Waititi e Fox Searchlight estão se preparando para o lançamento da sátira anti-ódio Jojo Rabbit, que recentemente se curvou no Festival Internacional de Cinema de Toronto. Ele dirigirá o Next Goal Wins antes de embarcar no quarto filme Thor da Marvel, Love & Thunder.

O cineasta Kiwi co-escreveu o roteiro com Iain Morris e também produzirá junto com Garrett Basch e Jonathan Cavendish. Andy Serkis será o produtor executivo através da faixa Imaginarium Productions, enquanto Brett e Jamison servirão em capacidade de produção.

Moss foi vista mais recentemente na última temporada de The Handmaid’s Tale, que foi renovada para uma quarta temporada no Hulu. Ela estrelou recentemente o drama psicológico Shirley e, em seguida, estará nos cinemas com The Invisible Man da Universal e o mais recente de Wes Anderson no Searchlight, The French Dispatch.

Ela é representada pela WME, Independent do Reino Unido, Ribisi Entertainment Group e Hansen Jacobson.

Texto Traduzido por: Equipe Elisabeth Moss Brasil

Texto Original: The Hollywood Reporter

Kirsten Dunst substituí Elisabeth Moss em “The Power of The Dog”
10.10.19
Matéria publicada por elisabethmossbr

Kirsten Dunst está em negociações finais para se juntar a Benedict Cumberbatch em “The Power of the Dog“, de Jane Campion.

Dunst está substituindo Elisabeth Moss, que foi forçada a abandonar o filme devido a conflitos de agendamento com sua série HuluThe Handmaid’s Tale“.

A Netflix adquiriu o filme neste verão no braço de vendas interno da See-Saw Films, Cross City Films. A variedade relatada pela primeira vez no projeto em maio e a Cross City Films lançaram vendas no Festival de Cannes.

A Netflix lançará o filme em 2021 na plataforma de streaming e nos cinemas. A Transmission Films o lançará teatralmente na Austrália e na Nova Zelândia. O acordo exclui os direitos de TV do Reino Unido, que são mantidos pela BBC Films.

Campion dirigiu o filme, adaptado do romance de Thomas Savage, de 1967, com o mesmo nome. Segue dois irmãos ricos que são polos opostos. Paul Dano interpreta um homem exigente e gentil, enquanto seu irmão, interpretado por Cumberbatch, é brilhante e cruel. Eles são co-proprietários do maior rancho do vale de Montana. Quando o personagem de Dano se casa secretamente com uma viúva local (Dunst), Cumberbatch empreende uma guerra sádica e implacável para destruí-la usando seu filho como um pawnpo.

 

Texto traduzido por: Equipe Elisabeth Moss Brasil

Texto original: Variety

Fox adquiri novo filme de Wes Anderson com Elisabeth Moss no elenco
22.09.19
Matéria publicada por elisabethmossbr

Foi anunciado recentemente que a Fox Searchlight Pictures adquiriu os diretos de The French Dispatch, filme dirigido por Wes Anderson.

O elenco é cheio de grandes nomes de Hollywood, entre eles Elisabeth Moss, William Dafoe, Kate Winslet, Jeffrey Wright, Saiorse Ronan, Timothée Chalamet, Frances McDormand, Tilda Swinton, entre outros.

O longa está programado para ter sua estreia apenas em 2020.

The Handmaid’s Tale ganha três Emmys, por sua segunda temporada
18.09.19
Matéria publicada por elisabethmossbr

No último sábado (14), aconteceu a cerimônia do Emmy 2019 para categorias técnicas. A terceira temporada de The Handmaid’s Tale não pôde ser indicada, por estar fora do prazo para as inscrições, porém os últimos episódios da segunda temporada estavam elegíveis.

A série faturou no total três prêmios por categorias técnicas e participações, confira:

– Melhor Atriz Convidada em série de Drama (Cherry Jones)

– Melhor Ator Convidado em série de Drama (Bradley Whitford)

– Melhor Design de Produção para um programa com narrativa contemporânea.

A cerimônia oficial do Emmy acontece no dia 22 de setembro.